Centro Cristão da Família

 

O Resgate da Paternidade

Temos ouvido da boca dos profetas de Deus que o Senhor derramará Suas bênçãos, sem medida, sobre nossa nação, e seremos “celeiro das nações, berço de missionários, a nação mais transformada pelo Evangelho”. Isso tudo tem sido dito por servos de reputação irretocável e de reconhecimento mundial. Mas de vez em quando ouvimos que o Brasil está quase, está quase… o que Deus tem preparado está chegando, está chegando…

Devo confessar que, nas últimas vezes em que ouvi isso, saí da ministração chateado, injuriado, e possivelmente indignado com tudo e com todos, pensando numa situação que precisa de mudança, e que ninguém nos dá nenhuma dica do que seja. Afinal, o que está faltando? Será que Deus terá de aguardar pacientemente passar esta geração para poder realizar tudo o que tem sido anunciado?

Depois de buscar o Senhor, e devo dizer, depois de ouvir minha mulher, e os membros da nossa equipe ministerial, atrevo-me a determinar aqui o que está faltando para o Brasil.

Diferentemente do padrão bíblico, os filhos do Brasil foram entregues a um matriarcado institucionalizado em todas as áreas da vida desde o tempo de nossa colonização, feita por degredados políticos, presidiários, escravos, e toda sorte de malfeitores, deportados do velho continente, os quais chegaram a esta terra e entregaram-se a fazer filhos nas índias dos outros, deixando-os todos por criar. Isso foi uma semente lançada pelas gerações, e com conseqüências, ou colheita, que nos assolam até os dias de hoje.

A Bíblia diz: Ef 3:14-15 “Por esta razão dobro os meus joelhos perante o Pai, do qual toda família nos céus e na terra toma o nome”.

A palavra família em seu original é “pátria”, ou “pater”, o que dá origem à palavra paternidade. Poder-se-ia dizer então: “… Do qual toda paternidade nos céus e na terra toma o nome.” Deus dá o Seu nome para todas as paternidades, ou famílias sobre a Terra!

Quando Deus decidiu formar pra Si um povo, Ele precisava de uma qualificação que pudesse perpertuar paternidade. E assim diz a Palavra de Deus: “Porque eu o tenho conhecido, que ele há de ordenar a seus filhos e a sua casa depois dele, para que guardem o caminho do Senhor, para praticarem retidão e justiça; a fim de que o Senhor faça vir sobre Abraão o que a respeito dele tem falado. Gn 18:19″. Deus escolhe a Abrão, pai exaltado, e faz dele Abraão, pai de nações! Deus sabia que uma pátria se forma a partir de paternidade, de um pai, capaz de ordenar sua casa, seus filhos, e as gerações seguintes, nos caminhos do Senhor.

Pais brasileiros, Deus está falando conosco. Deus não fará nada nesta nação enquanto os desertores não retomarem seus postos e forem achados como sacerdotes, profetas e reis, estabelecidos por Deus em suas famílias, em suas paternidades.

É importante ressaltar aqui, que por muito tempo as funções ministeriais dentro da Igreja Cristã eram “coisa de homem”. As mulheres apenas ajudavam na decoração do santuário e na educação das crianças. Isto mudou, e as mulheres estão agora como co-herdeiras da mesma graça de vida em Cristo Jesus , ministrando com autoridade à Igreja brasileira. Glória a Deus!

Entretanto, ao que parece, os homens têm entregue nas mãos das mulheres, não apenas o supermercado, a administração das contas, as fraldas, a cozinha, e ainda um emprego secular que ajude no sustento do lar, mas ainda o ministério na Igreja. Absolutamente nada contra as mulheres! Fazem além do que deveriam!

Deus espera pacientemente por pais estabelecidos em seus postos, exercendo plenamente o sacerdócio no lar, e ainda, homens profetas, que representem Deus diante da família, que busquem do Senhor direção e plano eterno para, como visionários, revelá-los à família e, desta forma, serem estabelecidos como reis. Isso tudo, porém, debaixo da autoridade divina, exercendo uma liderança ativa em casa, de forma a inspirar as futuras gerações, educando-as nos caminhos do Senhor, fazendo-as discípulos de Cristo, primeiro em casa, para, então, propiciar a bênção de Deus sobre toda a nação do Brasil.

Quanto a mim, eu profetizo que farei tudo para ver com estes meus olhos, o Brasil expressando o Reino de Deus sobre a Terra, como temos ouvido da boca de profetas! Vou exercer a paternidade que me cabe!

Pr. Marcelo Monteiro

Imprimir este Artigo

Categoria: Palavra Apóstolica

Publicado em 10 de agosto de 2009

Visualizado por 1.118 leitores

1 Comentário para “O Resgate da Paternidade”

  1. carlos vitor disse:

    meu amado irmão em Cristo, obrigado por suas palavras. Creio que fui direcionado pelo Espírito Santo de Deus. Pois, estava aqui passeando pela internet, e eis que cheguei à esta página. Quando li todo o artigo, tive a certeza que Deus estava falando comigo, através da sua vida. Obrigado mais uma vez, e parabéns pela matéria, pois, é isto mesmo. Temos que acordar para isto que você menciona no texto. Temos que assumir nossas responsabilidades e nossa Paternidade em Cristo JESUS. Que Deus possa continuar te usando, para honrar e glorificar o Nome Dele aqui na terra. um beijo no seu coração.

Envie seu Comentário

© 2019 - Centro Cristão da Família - Todos os direitos reservados

 

Desenvolvido por Evangelize com WP-2.7

Painel | Webmail